varizes

As varizes constituem um dos problemas mais antigos do ser humano e calcula-se que 20% dos adultos por volta dos 30 anos tem varizes.

Varizes são veias dilatadas, muitas vezes salientes na superfície da pele e que não desempenham mais sua função adequadamente.
Essas veias podem apresentar coloração esverdeada, azulada ou arroxeada e são mais comumente identificadas nas pernas e nos pés, mas também podem ser encontradas na virilha e em outras partes dos membros inferiores.
As veias das pernas são mais propícias a apresentarem tal problema pois têm de trabalhar contra a gravidade para que o sangue retorne ao coração.

O que causa varizes?

Diversos fatores são relacionados ao aparecimento de varizes, e podem favorecer o surgimento ou agravar varizes que já existem. São eles:

• idade: a chance de desenvolver varizes aumenta com a idade;

• sexo feminino (devido a fatores hormonais);

• hereditariedade: como já dito anteriormente, quem tem familiares com varizes na família possui maior chance de desenvolver a doença pois ela vai passando de geração em geração;

• obesidade (oexcesso de peso coloca pressão adicional sobre as veias);

• sedentarismo: atividades físicas regulares fazem com que a circulação do sangue seja facilitada, além de ajudarem no controle do peso e favorecerem outras partes do organismo. Exercícios com as pernas fazem com que o sangue seja facilmente bombeado de volta para o coração, o que diminui a pressão venosa das pernas e, consequentemente, a chance de desenvolver varizes;

• tabagismo;

• gestações: nessa condição, além das alterações hormonais que ocorrem durante todo o período de gravidez, há aumento da pressão nas veias das pernas devido à compressão do útero sobre as veias do abdome, o que favorece o surgimento das veias dilatadas. É válido salientar que as varizes que aparecem durante a primeira gravidez frequentemente desaparecem após o parto (até o 3º. mês). Já aquelas que surgem a partir da segunda gestação costumam permanecer após o nascimento do bebê;

• uso de pílulas anticoncepcionais e reposição hormonal: pessoas que já possuem uma tendência ao desenvolvimento de varizes podem acelerar o aparecimento das mesmas com o uso desses tipos de medicação;

• períodos prolongados em pé ou sentado: quando ficamos numa dessas posições por muito tempo e rotineiramente, a bomba muscular da panturrilha (batata da perna) deixa de agir, o que dificulta o retorno do sangue para o coração e faz com que ocorra um aumento da pressão dentro das veias dos membros inferiores, favorecendo o desenvolvimento das varizes.

O que o paciente com varizes pode sentir?

As principais queixas dos pacientes portadores de varizes são: dor tipo queimação ou cansaço, sensação de peso nas pernas, edema (inchaço) das pernas. Os sintomas costumam aparecer e piorar no fim do dia, após permanecer em pé ou sentado por longos períodos, no calor, nos períodos próximo ou durante a menstruação e também durante a gravidez. Todas essas queixas costumam melhorar com o repouso e elevação das pernas. Nem sempre as varizes são acompanhadas de sintomas mas os pacientes podem apresentar desconforto pelo aspecto inestético e desagradável das mesmas.

Quais os tratamentos que posso fazer?

O tratamento das varizes pode ser clínico ou cirúrgico. A opção por um ou outro depende do quadro clínico de cada pessoa e da decisão, em conjunto, do médico e seu paciente.

Como é o tratamento clínico?

O tratamento clínico consiste basicamente em:

• Utilização de compressão elástica;

• Prática de atividades físicas regularmente;

• Evitar longos períodos na mesma posição (em pé ou sentado);

• Perda de peso (caso o paciente necessite);

• Utilização de flebotônicos – medicações para varizes que auxiliam no alívio dos sintomas.

O médico pode recomendar o uso de meias elásticas de compressão?

Durante a avaliação médica, meias especiais podem ser indicadas. As meias elásticas realizam uma pressão constante e isso ajuda a evitar que o sangue se acumule nas pernas, reduzindo o inchaço, aliviando as dores, além de prevenir a piora das varizes.

Existem várias maneiras de melhorar os sintomas das varizes e até mesmo evitá-las:

• Perder peso (caso esteja acima do peso);

• Evitar ficar de pé ou sentado por longos períodos;

• Movimente as pernas enquanto você está sentado;

• Sempre que possível mantenha os pés acima do nível do seu coração;

• Não fume;

• Faça atividades físicas regularmente;

• Use meias elásticas.